Avançar para o conteúdo

Quem inventou o ônibus? Karl Benz, 1985

5
(1)

O primeiro ônibus motorizado foi concebido na Alemanha em 1985 por um entusiasta dos transportes chamado Karl Benz, engenheiro que fundou a montadora Mercedes Benz.

Dez anos após a ideia do carro sair do papel para se tornar algo real e palpável, o Karl Benz cria o primeiro ônibus motorizado que a princípio transportava apenas oito passageiros entre Siegen, Netphen e Deutz, na Alemanha.

Porem é necessário entender antes de tudo a ideia de coletividade na criação do veículo. O que motivou Benz a criar o ônibus?

Portanto, lhe convido a compreender esta história incrível que começa lá em 1660 na França.

As carruagens (ônibus) puxadas por cavalos agora ofereciam um passeio muito mais suave.
EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA: LOCOMOÇÃO TERRESTRE DE PESSOAS (timetoast)

Ônibus no ano de 1660

A primeira ideia de transporte coletivo que originou o ônibus veio por parte da nobreza francesa no ano de 1662.

Alguém teve a brilhante ideia de construir requintadas carruagens para transportar a alta nobreza da época. Apenas os mais nobres poderiam compartilhar as luxuosas carruagens.

Mas o projeto não foi para frente devido a baixíssima adesão dos nobres que preferiam cada um ter a sua própria carruagem ao invés de compartilhar.

Os franceses não desistiram da ideia e lançaram em 1826 uma espécie de carruagem com espaço para 42 pessoas. A Carruagem era puxada por 3 cavalos e era permitido a entrada tanto de nobres quanto de plebeus.

Apesar do esforço dos franceses, foi a cidade de Nova York que deu o maior grau ao transporte coletivo tracionado por animais, pois em 1828 foi formada a primeira linha de transporte coletivo (ônibus) entre cidades.

Ônibus ou Ominibus

O termo transporte coletivo ou ônibus veio da França, mais precisamente do ano de 1826 na cidade de Nantes.

Tudo começou quando um empresário dono de casas de banho, Stanislav Baudry, resolveu levar clientes para seu estabelecimento que ficava na cidade de Richebourg. Stanislav Baudry percebeu que quanto mais pessoas conseguia levar em uma única viagem, maior seria seu lucro, óbvio.

A ideia foi pegar o conceito de transporte coletivo que já existia na França e adaptar a necessidade de seus clientes.

Por mais engraçado que pareça, o nome ônibus tem origem no nome do proprietário de uma Chapelaria. Este estabelecimento funcionava como um ponto final na viagem.

O proprietário da chapelaria se chamava Omnes. O Senhor Omnes muito simpático e gentil costumava receber seus visitantes com um trocadilho, Omnes Omnibus (tudo para todos).

ônibus
ÔnibusOpel Blitzde 1936

Este nome caiu no gosto dos utilizadores que chamaram o transporte coletivo da época puxado por cavalos de Omnibus.

Em outras versões da história, porém, ônibus simplesmente decorre devoiture omnibus(“carro para todos”).

A jornada difícil até o trabalho surgiu com o crescimento das cidades no século XIX. Levar uma quantidade enorme de pessoas no mesmo horário e direção gerou um desafio até hoje não resolvido plenamente.

ônibus
B-typedois andares deLondres, o primeiro ônibus produzido em massa

A evolução do ônibus puxados por cavalos

A primeira melhoria significativa do Ônibus ou Omnibus foi alcançada com a colocação de trilhos sobre as rotas existentes.

As carruagens puxadas por cavalos agora ofereciam um passeio muito mais suave. Devido ao menor atrito, também era mais fácil para os cavalos puxarem, de modo que cada carro agora podia transportar três vezes mais passageiros.

Na década de 1880, as cidades dos EUA tinham mais de 30.000 milhas (ca. 48.280 km) de trilhos de rua para carros a cavalo.

No entanto, ficou claro que os cavalos como fonte de energia não eram sustentáveis.

Eles só podiam trabalhar por cerca de duas horas, então cada veículo exigia até dez animais por dia. O custo da ração e as preocupações do público relativamente ao tratamento dos animais inspiraram inovações.

Os Atuais e Modernos ônibus

Karl Benz projetou o primeiro ônibus motorizado em 1895. Em 1906, a França, mais uma vez, tornou-se pioneira ao abrir a primeira linha curta de ônibus motorizado.

Esses primeiros ônibus estavam muito longe dos modernos, oferecendo o mínimo de conforto aos passageiros. A grande renovação do sistema de trânsito foi motivada pela escassez após a Segunda Guerra Mundial: o alto custo de colocação de novos trilhos e a necessidade de um tipo de veículo mais flexível levaram à conversão de muitas linhas de bonde em linhas de ônibus motorizados. A era dominante do ônibus moderno começou.

Em 1951, a Mercedes Benz projetou um modelo de ônibus com a combinação de motor traseiro e carroceria espaçosa. Com o tempo, vários tipos especializados de ônibus foram formados: transporte urbano, suburbano, intermunicipal e escolar. Eles utilizam construções diferentes para servir melhor aos seus propósitos específicos.

ônibus Mercedes Benz 1951
ônibus 1951 https://www.pinterest.pt/pin/466896686350735870/

Embora os carros particulares também tenham ganhado popularidade em torno disso, o pico dos custos de combustível nas décadas de 1990 e 2000 contribuiu para o aumento do número de passageiros de ônibus em todo o mundo. Nas grandes cidades, os carros particulares tornaram-se uma escolha menos prudente: a falta de estacionamento e os engarrafamentos tornaram o transporte público uma opção de deslocamento mais atraente.

Ônibus Marcopolo G8
EZOOM Marcopolo Marcopolo G8

Ônibus modernos

Atualmente os ônibus são peças de coleção admiradas por um grupo seleto de pessoas denominadas busólogas. Mas não precisa ser amante de ônibus para se interessar pelos atuais modelos.

São tão bonitos que causa admiração em quem olha. Basta se aproximar de uma Rodoviária para ver a grande variedade de modelos, cores, formas e tamanhos de ônibus que nada se parecem com seu primeiro modelo.

Modelos de ônibus

Os ônibus conforme já comentamos acima são peças de coleção dos mais antigos aos mais modernos e existe uma infinidade de modelos que talvez não haja espaço para colocar cada um junto. Dai por que muitos preferem a miniatura do veículo.

Uma curiosidade é saber que um ônibus é dividido basicamente em 2 tipos e pode ser montado por até 3 fabricantes diferentes dependendo da escolha pela montadora na hora de escolher o Chassi, a Carroceria e o Motor.

Os tipos são:

  • Carroceria sobre Chassi: Neste tipo é produzido o chassi e, sobre ele, é montada a carroceria. Carroceria e chassi podem ser do mesmo ou de diferentes fabricantes.
  • Monobloco: É o modelo de ônibus produzido como uma peça única, sem separação entre carroceria e chassi. Neste caso, todo o conjunto é produzido pela mesma montadora.

Você pode conferir diversos modelos de carrocerias, Chassis e Motores utilizados na montagem dos ônibus nos links abaixo.

  1. Motor
  2. Chassi
  3. Carroceria
image 13
Foto de Anderson Gonçalves da Fonseca para o site Ônibus Brasil

Vídeo: A História do ÔNIBUS !

Israel Drive

Quão útil foi este post?

Clique sobre a estrela para Avaliar o post

O que você achou do Post? Te ajudei?

Siga-nos nas redes sociais!

Index